top of page

A forma como você interage com seu corpo diz muito sobre seus sentimentos e emoções sobre si mesma

Atualizado: 2 de mar. de 2023





Você consegue amar seu corpo e dizer sim pra ele exatamente como ele é? Você se sente à vontade dentro da casa que seu corpo representa?


Ter uma boa relação com o próprio corpo não nos impede de malhar pra manter a saúde e melhorar a estética, nem tampouco nos priva de passar por procedimentos e intervenções cirúrgicas que julgamos importantes pra nós, mas pede que a gente traga a atenção pra um viés que é de se conhecer, se olhar no espelho e gostar do que vê - se reconhecer dentro dessa estrutura.


A forma como nos vemos e falamos à nosso respeito traduz o que trazemos em nosso íntimo sobre sentimentos, emoções, prazeres, necessidades atendidas ou não e crenças.


Esse trabalho de autoconhecimento é contínuo e abre a possibilidade pra que a gente possa se redescobrir e se permitir - olhar para nossa sombra e luz como quem quer integrar tudo isso e viver em paz.


A demanda social para o apelativo modelo de corpo ideal pregado sobretudo pelas redes sociais, tem contribuído para que nos distanciemos cada vez mais de quem somos em essência. Uma versão do que é belo e adequado vai se desenhando à nossa volta e quando vemos já estamos correndo atrás de atender expectativas que não são originalmente nossas e ainda buscamos dar conta de sustentar a representação de uma personagem que não está de acordo com o que somos.


Maneiras de fazer as pazes com seu corpo

- Olhe para ele com gratidão. O seu corpo é o modelo perfeito para você. Ele encerra tudo que você necessita para viver sua experiência nesse planeta e evoluir. è assustador o número de pessoas que mal se olham no espelho prestando atenção aos detalhes e agradecendo por cada parte do seu corpo estar sustentando sua estrutura e atuando para manter a vida.


- Exercite-se. Tudo na vida acontece numa dinâmica de troca e o seu corpo quer que você contribua para que ele consiga cumprir o papel dele da melhor forma. Se não gostar de ir à academia, caminhe, pratique algum esporte ou faça alongamentos.


- Ouça seu corpo. Ele fala com você o tempo todo. Ele diz se quer um alimento ou não, se está confortável em tal posição, se está com sede, estafado ou desconfortável na presença de alguém. à cada momento o seu corpo conversa com você. Aprenda a linguagem dele para estreitar essa relação.



Quanto mais você dialoga com seu corpo, mais positiva é a forma que ele responde, te possibilitando mais saúde e bem estar, e ao se aproximar tanto dessa parte de você, naturalmente sua autoestima será elevada à níveis incríveis e que te permitirão viver um ciclo de amor próprio jamais experienciado.


Você topa o desafio?


Com amor,


Kerlly Oliveira








25 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Comments


bottom of page